12/11/2012

A volta dos que não foram!

Estamos de volta!

História de Brinquedos sob nova direção, concepção e produção. Agenda aberta para 2013!!!!!

Que seja doce!

Saudações Bamuarenses!!!!!!!!!!!!!!!!!

24/08/2012

ESTREIA OFICIAL - HISTÓRIA DE BRINQUEDOS

ALÔ PESSOAL,


História de Brinquedos, musical infantil, estará em cartaz no TEATRO MUNICIPAL DE OSASCO nos dias 21, 22  e 23 de setembro.

História de Brinquedos é o atual trabalho da companhia e primeiro musical infantil. Advindo de pesquisas e experimentos cênicos que tem como pano de fundo a linguagem épica de Brecht, o infantil alinha a reflexão crítica sobre a discriminação levantada pelo texto costurando com a estética brecthiana, ações e situações que tem a criança como principal agente e espectador.


Nos dias 09 e 10 de junho do ano corrente a Bamuar realizou apresentações públicas do espetáculo na Escola de Artes César Antonio Salvi, na cidade de Osasco, como mostra pública do processo criativo da companhia.


...Em breve mais detalhes...
Foto: Douglas Rene

22/07/2012

Nasceu o filhote... ainda na incubadora!!! Ensaios abertos






















Fotos: Douglas Rene

Saudações Bamuarenses!!!

Para levar o espetáculo até a escola, entre em contato com a produção pelo e-mail ciadeteatrobamuar@gmail.com ou pelo telefone (11) 8228-1139 - com Guilherme Vale

03/06/2012

HISTÓRIA DE BRINQUEDOS EM OSASCO


Classificação: Maiores de 05 anos de idade - Especialmente recomendado para crianças.


Duração: 50 minutos



SINOPSE


Num quarto de uma criança os brinquedos vivem separados em dois grupos “sociais distintos”: os brinquedos de baixo que são guardados numa caixa, e os brinquedos do alto que vivem no alto das estantes fora do alcance das crianças.

Certo dia, Rosalina, a bailarina de corda e porcelana é tirada da prateleira do alto da estante e esquecida no chão junto á caixa de brinquedos.

Enquanto espera o “resgate” a bailarina encontra um morador da caixa, o pequeno palhacinho de pano chamado Bobo Plín que, ao avistá-la logo se encanta. 

Porém a arrogância e o preconceito da graciosa bonequinha com os brinquedos “de baixo” frustram todas as tentativas de aproximação e cortesia do palhacinho, que inventa as mais diversas peripécias atrapalhadas para conquistar sua amizade. 


SERVIÇO

Quando: 9 e 10 de junho (sábado e domingo)
Hora: 16:00
Onde: Teatro Nivaldo Santana (dentro da escola de artes César Antônio Salvi)

Rua Tenente Avelar Pires de Azevedo, 360 – Centro Osasco. – atrás da Biblioteca Municipal Monteiro Lobato. ***Estacionamento Grátis****

Tel:(11)3699-1490 ou (11) 8228-1139

R$ 20,00 Inteira R$ 10,00 Meia entrada e antecipados.



Ficha técnica



Elenco: Guilherme Vale e Talita Felonta


Execução de música e arranjos ao vivo: Rei Bass

Texto: Tathiana Valério

Direção: Talita Felonta

Figurinos, cenário e adereços: Elson Leite e Márcio Peres (Atelieles)

Iluminação: Iohann Iori

Make-up: Elson Leite

Efeitos sonoros: Eder Brito

Assessoria de imprensa: Leonardo Almeida

Preparação corporal: Elson Leite

Arte gráfica impressa: Andressa Munin & Emerson Rodrigues

Arte gráfica eletrônica: Atelieles

Produção Geral: Guilherme Vale e Talita Felonta

Realização: Cia. de Teatro Bamuar (Bamuar Produções Artísticas)

Pra atiçar a curiosidade: um dos adereços e brinquedos do Bobo Plín e da Rosalina. Criação e confecção:  Elson Leite e Márcio Peres do Atelieles


---
Leonardo Almeida
Assessoria de Imprensa e Divulgação Cultural
(11)8785-6409
leonardoimprensa@hotmail.com
www.leonardoimprensa.blogspot.com

26/05/2012

Dêem passagem para História de Brinquedos!

Estamos a doze dias da estreia do musical infantil "História de Brinquedos".


Cia de teatro Bamuar  apresenta: História de Brinquedos
Classificação: Maiores de 05 anos de idade.
Duração: 50 minutos

Um quarto de menina. Vários brinquedos espalhados pelo chão. De repente dois deles ganham vida. Diferenças, jogos e amizade unem para sempre essa história de brinquedos.
 

Dias 9 e 10 de junho ás 16h00 no teatro Nivaldo Santana (dentro da Escola de Artes Cesar Antônio Salvi) que fica atrás da Biblioteca Monteiro Lobato - Centro de Osasco.

Telefone para informações: 3699-1490
Ingressos: R$20,00 - inteira / R$10,00 - meio-entrada e antecipados




14/05/2012

E lá vem as musicas...E com ela o Rei!

Olá amigos, colegas e conhecidos da Bamuar, cá estamos novamente.

A pressão na cabeça é muita e o trabalho é enorme. Afinal, faltam poucos dias para a estreia de História de Brinquedos. Texto na ponta da língua, coreografia demarcada (limpeza, afinação, ainda faltaaaam) e as canções: fofas pelo tanto de talento que tem o grande Rei, que traduz todas as nossas subjetividades em algo mais palpável, concreto. Estão um encanto!!!

Falando em poucos dias, eis as datas:

Pré-estreia para convidados (coordenadores, pedagogos e professores)
8 de junho (sexta-feira) ás 19h30

Apresentações abertas ao público infantil acima de 5 anos de idade
9 e 10 de junho (sábado e domingo) ás 16h00

Ingressos:
R$ 20,00 reais (inteira)
R$ 10,00 reais (meia-entrada e antecipados)

Em breve inserimos informações mais completas com flyer e cartazes, ok!

Abaixo, registro da criação musical. Um encontro como sempre, muito rico. Grande Rei Bass!!!

Saudações Bamuarenses,






04/05/2012

um pensamento solto... tradução de um ideal (?)

"O otimista é um tolo. O pessimista, um chato. Bom mesmo é ser um realista esperançoso.".
Ariano Suassuna





Saudações Bamuarenses,

27/04/2012

Ensaios, corpo e traquinagem - Histórias e imagens de corpos em busca do corpo!!!

Olá amigos, colegas e conhecidos da Bamuar,

Cá estamos novamente partilhando, em imagens, etapas do nosso processo de ensaio e "tortura" corporal.

E o engraçado é que na verdade nosso inimigo não é a atividade intensa e puxada e sim o nosso próprio corpo que, se molda à todas as condições que a ele damos: sendentarismo, pouca elasticidade. Como o corpo humano é inteligente, mais uma vez se molda ao novo, evidente que tem cobrança: muita dor, dor e dor.(rsrsrsrs)

Mas está valendo à pena. Não esqueçam: História de Brinquedos estreia em junho!!!! Esperamos todos vocês.

Segue ilustração da sessão "tortuna" by Elson sob a aprovação de Márcio...

Saudações Bamuarenses,


                                                                    






22/04/2012

Apresentando a equipe - PARTE II

Olá amigos, colegas e conhecidos da Bamuar,

Cá estamos novamente... Desta vez para apresentarmos outra parte desta equipe que com alegria e empenho fazem a concretude de "História de Brinquedos". A estreia? Junho de 2012!!! Que seja doce...

Abaixo, carinhosamente os nossos artistas, aliás, um grande achado de um casamento artístico da Bamuar.

Saudações Bamuarenses...

>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>

ELSON LEITE


Área de atuação: Dançarino, Bailarino, Ator, Publicitário, Produtor Artístico, Figurinista, Aderecista, Cenógrafo e Arte Educador.
 

Em 1992, deu inicio a carreira de dançarino em Recife/PE com Danças Populares Brasileiras: frevo, maracatu, coco, ciranda, xaxado, caboclinhos, cavalo-marinho, afro, afoxé, maculelê, samba, reisado, quadrilha, guerreiro, bumba-meu-boi. Ainda em Recife/PE, no ano 2001, começou a criar e produzir figurinos e adereços para espétaculos de Teatro e Dança. A partir de 2003, participou de diversas companhias de Dança e Teatro em Recife e em São Paulo, em que adquiriu conhecimentos artísticos específicos: Ballet Clássico, Moderno e Contemporâneo, Jazz, Street Dance, Dança de Salão, Tribal Fusion, Contato Improvisação, Expressão teatral (corporal e vocal), entre outros. Arte Educador há quatro anos, através de aulas de Danças folclóricas, Dança Brasílica, Jazz e Street Dance para crianças, adolescentes, jovens e adultos.

FORMAÇÃO ACADÊMICA

Superior em Publicidade e Propaganda na FIZO-Anhanquera

FORMAÇÕES ARTÍSTICAS
São Paulo e Osasco/SP

2011 e 2012 - Dança Brasílica
Ministrado pelo MultiArtista e Arte Educador Deca Madureira. Com a técnica Brasílica, aulas avançadas de frevo, maracatu, capoeira, coco, ciranda, caboclinhos, cavalo-marinho, afro, afoxé, samba, reisado, guerreiro, bumba-meu-boi, entre outras.
2005 a 2007 - Escola de Artes César Antonio Salvi
Curso de Dança-Teatro.
2003 - Centro Cultural São Paulo
Dança Moderna (técnica Graham) com Cláudia de Souza.
Recife/PE
2002 e 2003 - Escola de Dança Marisa Queiroga
Aulas de Balé Clássico (intermediário).
1996 a 2000 - Grupo de Danças Folclóricas ACAUÂ
Danças folclóricas: Frevo, Maracatu, Caboclinhos, Coco de roda, Ciranda, Afro, Bumba-meu-boi, Reisado, Cavalo marinho, Samba de roda, Xaxado, Pastoril e Quadrilha Junina. Apresentando, com o corpo de baile, em eventos das cidades pernambucanas.
De 1992 a 1995
Projetos e Grupos dos Bairros: Pina e Brasília Teimosa.
Introdução ao Teatro e às Danças folclóricas brasileiras. Aulas e apresentações.

 
FIGURINOS, ADEREÇOS E CENÁRIOS

Cia. de Teatro Bamuar  São Paulo 2012
Criação e execução dos Figurinos, Adereços, Cenário e Materiais de cena para o Espetáculo: História de Brinquedos.

Cia. das Artes Contemporânea Brazil – Osasco 2012
Criação e execução dos figurinos, adereços e cenário para o Espetáculo: Canto Calado.

Cia. Novo Corpo – Itapecerica da Serra 2012
Criação e execução dos Figurinos para o Espetáculo de Dança: Xícara de Chá.

Núcleo Brasílica SP- 2012
Produção e execução de figurinos e adereços para os espetáculo de Carnaval.

JEMP Produções Artísticas – 2011 e 2012
Produção e execução de Figurinos, Adereços e Cenários para os espetáculos: O Planeta Agradece, Desventuras de uma Rosa, O dia em que a máquina parou, O expediente acabou, e agora?, e Um conto à brasileira.

Academia CaDança – Osasco 2010 a 2012
Criação, execução e produção dos figurinos, cenários e adereços para festivais de Danças e dos Espetáculos: No Fundo do Mar, A Arca de Noé e Alice no Pais das Maravilhas.

Studio de Dança Clayds Zwing – Osasco 2011
Produção e execução dos figurinos e Adereços do Espetáculo de encerramento do ano.
Espetáculo: A fantástica Fábrica de Binquedos.

ONG Vozes da Capela - Osasco 2011
Criação e execução dos figurinos e Adereços do Espetáculo de encerramento.
Espetáculo: Sonho de Natal.

Cia. De Teatro Razões Inversas – Carapicuiba 2011
Criação e execução dos Figurinos e Adereços para o espetáculo: O Leão e o Ratinho. Direção: Jorge Luiz
Projeto Terci Arte e Dança – Osasco 2009 a 2011
Criação e execução dos figurinos e adereços para os Espetaculos de Encerramento
Cia. de Teatro Letra Jovem – Osasco 2010
Criação, produção e execução de cenários, materiais de cena, figurinos e adereços para os espetáculos teatrais: Sustentabilidade, O Cortiço, Auto da Barca do Inferno, Iracema e Sítio Prosperidade. Direção geral: Jeferson Brito.
Escola de Artes César Antônio Salvi – Osasco 2010 e 2011
Criação e Execução de figurinos para os espetáculos de encerramento do curso de teatro. Textos e Direção: Genivaldo de José.
Cia. Lendários - 2009
Produção e execução dos Figurinos, Adereços e Cenário para o espetáculo: Dia e Noite, Sol e Lua... O Boto e a Rosa. Direção: Charles Holanda. Participando no FECT – Festival de Curtas de Teatro de Osasco, recebendo prêmios de Melhor Cenário e Melhor Figurino.
Cia. dos Ritmos – 2002 / 2003
Danças regionais, clássica, moderna e contemporânea.
Espetáculo: Caboclos, criação e execução dos figurinos e adereços – Carnaval 2003;
Espetáculo: A Queima da Lapinha,  criação e execução de adereços – Teatro Barreto Jr.
Espetáculo: Festa de Parintins, execução de figurinos e adereços.
Cia. de danças Lumiar – Recife 2001 / 2002
Espetáculos: Festa do Casamento e Fogueira é Símbolo, Fogo é Louvor, ambos na execução de figurinos e adereços. Direção: Fábio Andrade.
Academia Fátima Freitas - Recife 2001
Espetáculo: Chico Dança Buarque Brasil, na execução de adereços – Teatro Guararapes.
Ministrou

Núcleo Brasílica – São Paulo 2011 e 2012
Oficinas de Dança Brasílica no Sesc Carmo e Sesc Santo Amaro.
Projeto Escolinha do Futuro – AHPCE – Prefeitura de Osasco
Iniciação à Dança e Teatro aos alunos da Rede de Ensino Fundamental I.
2011 – Arte Educador de Dança e Teatro.
2010 Arte Educador de Dança e Teatro e Produção de figurinos e adereços para o Evento de Xadrez.
2009 Arte Educador e Orientador de Danças.
2008 Arte Educador de Danças Folclóricas.
Projeto Terci Arte e Dança – Osasco 2009 a 2011
Professor de Frevo, Jazz e Contemporâneo, para bailarinos infanto-juvenis iniciantes.
Núcleo de Artes Cênicas Sebastian Osasco 2008
Arte-Educador de Frevo.

>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>
MÁRCIO PERES
Em 2002, deu inicio a carreira artística, trabalhando com a cultura afro-brasileira. Participou de diversas companhias de Teatro e Dança em que adquiriu conhecimentos artísticos específicos: Danças Populares brasileiras, Dança de Salão, Contato Improvisação, Expressão teatral (corporal e vocal), entre outros. Atualmente, Produtor Artístico, Dançarino, Ator, Figurinista, Cenógrafo, Aderecista e Maquiador.


FORMAÇÃO ACADÊMICA
Superior em Direito
Universidade São Marcos
FORMAÇÃO ARTÍSTICA
2011 e 2012 - Dança Brasílica
Ministrado pelo MultiArtista e Arte Educador Deca Madureira. Com a técnica Brasílica, aulas de frevo, maracatu, capoeira, coco, ciranda, caboclinhos, cavalo-marinho, afro, afoxé, samba, reisado, guerreiro, bumba-meu-boi, entre outras.
2007 a 2011 - Escola de Artes Cesar Antonio Salvi
Curso de Teatro.
2010 - Universidade PUC
Curso de Oratória e Expressividade.

FIGURINOS, ADEREÇOS E CENÁRIOS

Cia. de Teatro Bamuar – São Paulo 2012
Execução dos Figurinos, Adereços, Cenário e Materiais de cena para o Espetáculo: História de Brinquedos.
Cia. das Artes Contemporânea Brazil – Osasco 2012
Execução dos figurinos, adereços e cenário para o Espetáculo: Canto Calado.
Cia. Novo Corpo – Itapecerica da Serra 2012
Execução dos Figurinos para o Espetáculo de Dança: Xícara de Chá.
Núcleo Brasílica SP- 2012
Produção e execução de figurinos e adereços para os espetáculo de Carnaval.

JEMP Produções Artísticas – 2011/2012
Produção e execução de Figurinos, Adereços e Cenários para os espetáculos: O Planeta Agradece, Desventuras de uma Rosa, O dia em que a máquina parou, O expediente acabou, e agora?, e Um conto à brasileira.

Academia CaDança – Osasco 2010 a 2012
Execução e produção dos figurinos, cenários, adereços e maquiagens para festivais de Danças e dos Espetáculos: No Fundo do Mar, A Arca de Noé e Alice no Pais das Maravilhas.
Studio de Dança Clayds Zwing – 2011
Produção e execução dos figurinos e Adereços do Espetáculo de encerramento do ano.
Espetáculo: A fantástica Fábrica de Binquedos.
ONG Vozes da Capela – 2011
Produção e execução dos figurinos e Adereços do Espetáculo de encerramento.
Espetáculo: Sonho de Natal.
Cia. De Teatro Razões Inversas – Carapicuiba 2011
Execução dos Figurinos e Adereços para o espetáculo: O Leão e o Ratinho.

Projeto Terci Arte e Dança – Osasco 2009 a 2011
Execução dos figurinos e adereços para os Espetaculos de Encerramento
Cia. de Teatro Letra Jovem – Osasco 2010
Produção e execução de cenários, materiais de cena, figurinos e adereços para os espetáculos teatrais: Sustentabilidade, O Cortiço, Auto da Barca do Inferno, Iracema e Sítio Prosperidade. Direção geral: Jeferson Brito.
Escola de Artes César Antônio Salvi – Osasco 2010 e 2011
Execução de figurinos para os espetáculos de encerramento do curso de teatro. Textos e Direção: Genivaldo de José.
Projeto Arte e Dança – Osasco 2010 e 2011
Execução de figurinos para os espetáculos de fim de ano.
Projeto Escolinha do Futuro – AHPCE – Prefeitura de Osasco – 2010
Produção de figurinos e adereços para o Evento de Xadrez.

14/04/2012

In-conclusões? Resquícios e questionamentos do processo criativo de "História de Brinquedos".

Construir uma ponte pode não resolver o problema. Mas não construí-la é insano, inconsequente. Crer na emergência e necessidade da ponte resultam, de algum modo, em transform-ação.

Um conhecido e sagaz poeta da vida, com permissão dessa paráfrase, diz em algum poema-verdade que "Fazer o que seja é inútil e que não fazer nada é inútil. Mas entre o inútil do fazer e do não fazer, mais vale o inútil do fazer... [...] Mas não fazer para esquecer que é inútil. Nunca o esquecer!!!!!".

Não são nem essas conclusões que buscamos. Buscamos o sentido de tudo. Somos seres humanos que precisamos de respostas e que carecemos dum querer sem querer exatamente, o quê. 
A necessidade de posse supera qualquer outra urgência, necessidade. E é isso que não está certo. Definitivamente, não.

E talvez, seja esse o sentido e "precisão" do nosso fazer teatral. Talvez por isso, queiramos tanto dizer e berrar e compartilhar a todos a  deriva do nosso submundo... as histórias dos nossos brinquedos que são mais sábios que nós homens, humanos racionais (?). 

É da desgraça de duas excluídas da exclusão que aprendemos e nos vemos e nos identificamos?

 ... triste... 

É da brincadeira do qual dois brinquedos fazem de conta que vivem num mundo de "aparências", que nossas crianças, futuros formadores de opinião e de uma nova sociedade,  precisam?

...triste...

A nossa resposta diante do que observamos é sim. De alguns pode ser não, outros talvez. Como saber, se não fazer?

É com essa verdade que cremos que fazer o que seja é útil, necessário, preciso. E "História de Brinquedos" vem solidificar essa necessidade. 

Solução do mundo?

...

Em tempo: o tal poeta da vida é o João Cabral de Melo Neto e esse poema-verdade se chama "O artista inconfessável". Vale a leitura e reflexão. Ainda. Sempre?

Fico por aqui, ou melhor, ficamos por aqui.

Saudações Bamuarenses...

Por: Guilherme Vale

Fonte da imagem: stelinha.blogger.com.br / Data do acesso: 15/04/2012


07/04/2012

Preparação corporal: o corpo dói ao mesmo tempo em que responde a vida

Olá amigos, colegas e conhecidos da Bamuar,

Cá estamos novamente para partilhar o processo de montagem de História de Brinquedos. Definitivamente concluímos que é impossível alimentarmos a rede quase que simultaneamente aos nossos encontros. É muita informação, muito trabalho e pouco tempo. Ainda não é o momento ($$) de termos uma pessoa responsável pela mídia on-line, portanto, vamos aos poucos, subindo informações e partilhando processos.

Pelo menos, de uma a duas vezes por semana, passamos aqui no nosso canto virtual para alimentarmos o blog. No Facebook, um dia sim e outro não estamos postando mensagens, criando relações com nossos amigos da rede.

Bom, as novas é que iniciamos a preparação corporal. Nosso mestre? Elson Leite que, além de  cenógrafo, aderecista e figurinista é Bailarino clássico e ator. E por felicidade ele também traz para nós um pouco do seu talento preparando nossos corpos. Duas horas de preparação corporal, duas vezes por semana.

Aliás, o esboço cenográfico de criação dele e de Márcio Peres ficou simplesmente um encanto. Lúdico, funcional e belo.

Uma outra novidade é que a minha artista e atriz preferida que por coinscidência também colega de cena, Talita Felonta, assume a direção do espetáculo e juntou-se ao nosso "rol" de profissionais Flávia Bertinelli, que será a nossa orientadora artística. Seja bem-vinda Flávia. (Sim ela também é daquelas que a gente sempre quer ter por perto e em quem confiamos e admiramos)

Chega de enrolação. Abaixo alguns registros para ilustrar esse post. A qualidade não é das melhores, estamos providenciando uma máquina fotográfica melhor, rsrs.

Por ora, ficamos por aqui. Obrigado pela visita e por acompanharem nosso blog.

Saudações Bamuarenses,








31/03/2012

Fotos dos figurinos: Criação e confecção de Márcio Peres e Elson Leite.

Olá amigos, colegas e conhecidos da Bamuar,

Nossos figurinos ficaram prontos! Sem muitos rodeios, deixamos aqui algumas fotos com teste de figurino. Ainda faltando algumas partes que só divulgaremos no final da primeira quinzena de abril, quando já teremos feito as fotos de divulgação.

Agradecemos a autora do texto, Tathiana Valério, pelo apoio, por autorizar a montagem e sobretudo pelo entusiasmo com a retomada da montagem desse texto. Nosso muito obrigado por escrever tão lindo e delicado texto.

Importante ressaltar que a criação e confecção dos figurinos são dos talentosos e sensíveis artistas Márcio Peres e Elson Leite. Vocês arrasaram. Um achado e orgulho termos vocês juntos nessa viagem criativa. O primeiro de muitos.

Por ora, ficamos por aqui. Espero que gostem e obrigado por acompanharem nosso blog. Em junho, História de Brinquedos estreia e contamos com a presença de todos vocês.

Ps: não reparem na qualidade da imagem. Foram tiradas com um celular.

Saudações Bamuarenses...